CategoriaAnálise de Canal de Televisão

Frederator Studios: Como abrir espaço pra criatividade no mercado de animação?

Esse texto é uma combinação de várias coisas que eu gosto muito de falar sobre. É sobre história da animação. É sobre a eterna luta entre criação artística e comércio na área do entretenimento (em especial no entretenimento voltado para crianças, onde eu acho que o poder do comércio é potencialmente mais perigoso). E é sobre pessoas que tem sido forças ativas na sua infância, mas, mesmo assim...

The Powerpuff Girls: Pra que rebootar?

Como vocês já devem ter notado pelo número de pessoas no facebook trocando os avatares, The Powerpuff Girls voltou para o Cartoon Network. E voltou não é bem a palavra, o desenho foi rebootado e estreou em abril de 2016 em uma série diferente e atualizada e sem absolutamente ninguém da equipe criativa original voltando junto, exceto por alguns dubladores de personagens secundários. Já faz 11 anos...

Hey Arnold! The Jungle Movie: Depois de 11 anos, um grande erro foi desfeito.

Quem aí se lembra de Hey Arnold!? Série animada da Nickelodeon protagonizada por uma criança de nove anos com a cabeça em formato de bola de futebol americano, um chapéu pequenininho em cima, o quarto mais descolado de um protagonistas dos anos 90, uma camiseta longa fingindo ser um kilt e um idealismo imenso. Hey Arnold! Foi o sexto Nicktoon, e na minha opinião um dos mais maduros e inteligentes...

Sobre o autor

Izzombie

Sou um cara chato que não consegue ver um filme sossegado sem querer interpretar tudo e ficar encontrando simbolismos e mensagens. Gosto de questionar a suposta linha que separa arte de filmes comerciais, e no meu tempo livre pesquiso sobre a história da animação.

Alertas

  • – Todos os posts desse blog contém SPOILERS de seus respectivos assuntos, sem exceção. Leia com medo de perder toda a experiência.
  • – Todos os textos desse blog contém palavras de baixo calão, independente da obra analisada ser ou não ao público infantil. Mesmo ao analisar uma obra pra crianças a analise ainda é destinada para adultos e pode tocar e temas como sexo e violência.

Artigos recentes

Categorias

Parceiros

Blog Mil

Paideia Pop

Gizcast

Arquivo